Translate

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Vida com música

   Todo mundo tem pelo menos uma música que marcou sua vida. Música que lembra a infância,um amor da adolescência,uma conquista,um fracasso,uma vitória,uma perda,um momento de alegria ou um momento de grande tristeza.Independente da lembrança,a música estava lá bem presente e hoje quando ouvimos novamente lembramos daqueles momentos idos,às vezes ela aviva a memória de tal maneira que dá pra sentir não só as mesmas emoções como até pra sentir o cheiro e os sabores daquela lembrança.
   Sou do tipo que tem uma trilha sonora para cada fase que vivo e quando o tempo passa sou capaz de lembrar exatamente onde estava quando ouvi determinada música.
   É o poder da música na vida do ser humano.Imagine viver sem música!A vida seria bem menos divertida e muito mais estressante.É claro que tem coisas por aí que denominam de música,mas que,para alguns mais conservadores, é apenas barulho.Mas tudo é uma questão de gosto e gosto não se discute,cada um tem o seu.
   Nos cultos realizados no Antigo Testamento, a música tinha um papel importante e estava sempre presente. Moisés,quando estava à beira do Jordão, lembrando  toda a jornada os que israelitas haviam feito até ali e já sabendo que morreria em breve, compõe um cântico (Dt 32) para que os hebreus pudessem transmitir às gerações seguintes a história de Deus e o seu povo. Uma didática perfeita para transmitir conhecimento e que é muito utilizada hoje em dia com as crianças. O conteúdo transmitido pela música ficava assim arquivado na memória do povo de Deus.
   Mais tarde,Davi, um grande músico e compositor, institui o ministério dos cantores para ministrarem nos momentos de adoração.Duas famílias que muito se destacaram nesse ministério foram os filhos de Asafe e os coraítas dentre outros (ICr 25).
   "A tradição diz que o Sl 24 era cantado no primeiro dia da semana, nos cultos realizados no Templo.Provavelmente escrito para celebrar a mudança da Arca de Deus da casa de Obede-Edom para Jerusalém (IISm 6:10-12). As pessoas do lado de fora clamariam para que os portões do recinto se abrissem e deixassem entrar o Rei da Glória.Do lado de dentro,os sacerdotes perguntariam: "Quem é esta Rei da Glória?".Todos responderiam: "O Senhor forte e poderoso". Os portões do Templo se abririam em resposta ao desejo dos adoradores de terem a presença de Deus com eles (comentário da Bíblia de Aplicação Pessoal). E, através da música e do gesto,todos aprendiam uma lição importante sobre a grandeza e majestade de Deus.
   Então, adoração e música sempre estiveram relacionados.Embora adorar não seja apenas cantar,mas entoar louvores a Deus faz parte da adoração.Paulo frisa bem esse fato ao declarar:Falando entre vós com salmos, e hinos, e cânticos espirituais:cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração (Ef 5:19).
   Uma boa música é capaz de ensinar, produzir gratidão,alegria e esperança no coração antes entristecido. Então encha seu dia de música e adore a Deus!
                                               
                                                     Até.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adorei sua visita! Deixe seu comentário!