Translate

sábado, 19 de outubro de 2013

A experiência do Espírito Santo

   O Espírito Santo é a pessoa da trindade que concretiza a obra do Filho (Jesus) na humanidade. A salvação não pode ser recebida nem vivida pelas criaturas de Deus sem a atuação de Espírito, pois Ele convence do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16:8-11) e também opera a santificação (Jo 16:13-15).
   Embora muitos queiram monopolizar a atuação do Espírito, Ele não atua dentro de uma regra pré-estabelecida. Duas palavras usadas para se referir ao Espírito na Bíblia é "Ruah"(hebraico) e "Pneuma" (grego), que significam sopro, vento. Isso refere-se à Sua mobilidade, ao fato de não ser controlado por nada nem ninguém, assopra onde quer e age como quer (Jo 3:8). Indica que as experiências serão distintas, o que não permite criar ou formular um critério em cima de uma determinada experiência para defini-la como a única possível. Isso seria limitar o Santo Espírito, pois embora seja Espírito de amor e una todos os cristãos, sua atuação não é uniformizada.
   Atos 2 relata o cumprimento da promessa do derramamento do Espírito, uma capacitação para o cumprimento do propósito missionário de anunciar o Evangelho. Logo depois do evento do Pentecostes, 3000 almas se converteram ao receberam a Palavra pregada por Pedro (AT 2:14). Mais tarde o número de cristãos aumenta para 5000 (At 4:4).
   Antes não éramos povo, mas em Cristo fomos feitos povo de Deus para proclamar as boas novas de salvação e possibilitar que outros sejam alcançados e também se tornem povo de Deus (IPe 2:9,10).No relata bíblico em que Pedro é enviado à casa de Cornélio, fica claro que a missão era (e é) alcançar a todos sem distinção e a igreja deveria cumprir tal propósito (At 10).A igreja é dotada pelo Espírito Santo de diversidade de dons e ministérios para tornar eficaz o cumprimento dessa missão. Nesse sentido os dons devem ser entendidos como ações realizadas pelos membros do corpo de Cristo que concretizam sua missão diante de Deus.
   A manifestação dos dons tem a finalidade de servir como testemunho da obra salvadora de Cristo, portanto devem ser exercidos com amor e santidade. Qualquer ação desvinculada do amor não tem vínculo com o Espírito de Deus, pois Deus é amor (IJo 4:8).
Paz e até.

Um comentário:

  1. Graça e paz, Fernanda. Gostei das suas postagens e me identifiquei com o seu blog. Estou seguindo o seu blog, e lhe convido a visitar o meu blog e ser seguidora do mesmo. http://pbgeraldo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Adorei sua visita! Deixe seu comentário!